Blog

Fique por dentro das novidades

5 PRINCÍPIOS PARA FAZER UAM REFORMA BARATA

5 dicas para uma reforma barata

Reformar a casa de tempos em tempos é algo natural. Nós somos seres que mudamos e, como a casa é uma extensão de nós, é normal querermos mexer nela, mudá-la também. Mas, a reforma precisa ser feita com consciência, para que não fuja do controle.

Aqui iremos deixar 5 dicas de Princípios para fazer uma reforma BARATA e RÁPIDA!

1 - Identifique os espaços que você tem e os elementos que ele traz e tente se apropriar deles, usá-los como são. Não entendeu? Por exemplo: Se no meio da sala tem um pilar (você descobre isso descascando a parede), pense em usá-lo de alguma forma no novo espaço, e não em sair derrubando ele e criando um reforço estrutural. Para quem não sabe, um pilar é uma parte de um conjunto estrutural que faz a sustentação da edificação. Tirar um pilar não é algo simples, nem que pode ser feito de qualquer jeito. Precisa de uma análise se um engenheiro e um cálculo para relocar o destino da carga que estava sendo descarregada nele. Outro exemplo são aberturas. Mudar aberturas (janelas e portas) de lugar nem sempre é algo simples, pois a nova abertura precisará de vergas e contravergas para que funcione da forma correta e isso também tornará tua reforma mais cara.

2 - Mantenha os pontos hidráulicos no lugar em que estão. Mover um ponto hidráulico é caro. Se estivermos falando de banheiro, precisará refazer impermeabilização, rever inclinação da tubulação para ver se tem altura e caimento par ao novo ponto. Para uma reforma barata, deve tentar manter os pontos hidráulicos e alterar outros itens como acabamentos.

3 - Encontre mão de obra local. Às vezes você vê uma super ideia na internet, e é barata, mas exige mão de obra especializada. Isso encarece a tua reforma. Sempre dê preferência para soluções que possam ser executadas por mão de obra local.

4 - Aposte em itens usados. Procure perto do local da tua casa lojas de móveis usados, depósitos de materiais de demolição ou até mesmo uma obra que esteja sendo demolida. Não sabe que tipo de material pode usar? Uma cuba, portas, janelas, tijolos, azulejos, ganchos, quadros e por aí vai. Pesquise! Se inteire do que precisa e das alternativas que existem. Pesquise fornecedor, ideias, referências. Bata perna nos bricks da vida, gaste na OLX, no Mercado Livre, entre em grupos do Whatsapp e Facebook que vendam materiais usados.

5 - Crie paredes e divisórias leves. Se identificou que precisará de uma parede ou mureta, evite usar alvenaria. Busque alternativas com móveis ou drywall, ou seja, alternativas leves. Carregar o piso, sem saber ao certo o que tem embaixo dele, nunca é 100% seguro. Ex: ao invés de fazer uma mureta para dividir uma sala de jantar da cozinha, faça isso com móveis.

Se utilizar essas cinco dicas para pensar sua reforma ela estará entre as mais baratas. Antes de começar a gastar, tenha um ótimo Programa de Necessidades e contrate um profissional!

Voltar